Um Dia de Treino Especial

Após meu irmão Horácio retornar da escola e contar as novidades e várias curiosidades, começamos a nos preparar para irmos ao Dojo do meu Sensei. Uma viagem de cerca de duas horas e meia, mas seria um dia especial, afinal de contas, estaria com meu irmão, que um dia me acompanhou em um treino quando eu ainda era faixa amarela no Brasil, agora no Japão, eu já era faixa preta e sentia um certo orgulho dele estar comigo neste treino.
Saímos de casa e fomos de táxi até a estação (Hamamatsu Eki), pegamos o trem para a estação Kikugawa (uma das cidades onde é produzido o melhor chá do Japão), chegando lá pegamos o ônibus para a cidade de Sagara. O ônibus para e descemos no centro de Sagara, uma cidade litorânea pequena, caminhamos pela rua principal onde fica a Loja de esportes da Kondo-san (uma senhora que também treina no Dojo) e a Loja de pães do Nagatani Sensei (Shihan-dai do Dojo) até chegarmos ao Honbu Dojo, que fica a alguns quarteirões da praia.
O Horácio ficou assistindo o treino e era muito boa aquela sensação de poder apresentá-lo ao Sensei Konomoto, ao Sensei Nagatani e a todos do Dojo, era uma sensação de que eu não estava mais sozinho, a minha família agora estava comigo.
No final do treino o Sensei Nagatani nos levou de carro até a estação Kikugawa, pois não haviam mais ônibus àquela hora.
Ao pegarmos o trem, reparo que estava sem a minha carteira. Descemos então e pegamos o trem de volta para Kikugawa e chegando lá, claro, em um país como o Japão, encontrei a minha carteira e com tudo que estava dentro.
Retornamos a Hamamatsu, pegamos o táxi e chegamos no apartamento, um dia de viagens, um dia de treino, um dia realmente muito especial para mim……

Comments are closed.