Voltar para Retornar

Minhas curtas férias estavam acabando. Estava novamente prestes a embarcar para o Japão, novamente um sentimento de tristeza, porém, desta vez com um plano de retorno prévio.
Despedidas em aeroportos são sempre tristes, ficar novamente longe da minha família só tinha significado agora porque já havia um plano concreto para minha volta definitiva para o Brasil.
Curtir os momentos com meu brother Horácio era o que me restava a fazer. Treinarmos juntos antes de partir novamente rumo ao Japão.
Era difícil imaginar naquela época o que o futuro nos guardava. Além de uma cumplicidade de sangue, tínhamos uma relação de amizade muito forte. Uma amizade que se fortaleceu com o tempo, com os sacrifícios e com os obstáculos. Talvez nesta época sonhava em um dia honrar o nome do nosso Mestre no Brasil, mas com toda a inexperiência de um jovem de vinte e cinco anos.
Voltar ao Japão, mas com a certeza de que uma nova jornada se iniciaria quando retornasse definitivamente ao Brasil…..

Comments are closed.